Porto de Paranaguá embarca carga de alto valor agregado para a indústria de mineração ¿Encontraste un error? Avísanos


A primeira carga de projeto em 2022, pelo berço 215 do cais comercial do Porto de Paranaguá, foi embarcada nesta segunda-feira (24). Foram oito volumes, de oito toneladas cada, de equipamentos para a indústria mineradora. A exportação do segmento de carga geral foi destinada à América Central, conforme noticiado pela mídia Portos e Navios.

“A carga de projeto é uma carga de alto valor agregado, que vemos muito aqui no Porto de Paranaguá ao longo de todo o ano. Em 2022 não deve ser diferente”, afirma o diretor de operações, Luiz Teixeira da Silva Júnior. Além do berço 215, esse tipo de carga também é embarcado pelos berços 216, 217 e 218.

As peças industriais, fabricadas em Minas Gerais, foram carregadas no porão de um navio roll-on/roll-off. No porto paranaense, operam nesse tipo de navio as empresas do grupo Marcon, Orion e TCP.


 

Compartir




Ver mais conteúdos