Porto do Pecém amplia áreas de fundeio ¿Encontraste un error? Avísanos

Por Redacção PortalPortuario.cl

@PortalPortuario


O terminal portuário do Pecém, localizado no litoral oeste do Ceará, ganhou mais três áreas de fundeio, ou seja, novas áreas para que os navios possam lançar âncora e aguardar a vez na sequência de atracação ou ainda possam realizar operações com tripulantes ou cargas de forma reconhecida pelos órgãos anuentes.

As áreas de fundeio ou ancoradouro funcionam com um “estacionamento” previamente aprovado e regulamentado pela Marinha do Brasil. Além disso, são áreas que fazem parte das instalações portuárias como elemento de segurança do terminal, conforme a Convenção Internacional para a Salvaguarda da Vida Humana no Mar, de 1974, a qual o Porto do Pecém é signatário.

É obrigação do terminal portuário, o monitoramento das áreas de fundeio para que se evite o uso irregular das mesmas, inclusive por embarcações não programadas para operação em seus berços.

“Com a ampliação de duas para cinco áreas de fundeio, o terminal portuário do Pecém passa, portanto, a ter uma maior área de aguardo para navios conteineiros ou ainda embarcações em situação de arresto/embargo ou quarentena, garantindo assim uma operação segura e, principalmente, com maior capacidade para as movimentações portuárias”, diz Waldir Sampaio, diretor de Operações do Porto do Pecém.


Compartir



ESPECIAL COVID-19
Ver más noticias